top of page
elemento.png

31/08, às 20h

Série ES: Ibiraçu

local.png

Mosteiro Zen Budista

Rodovia Br-101 Norte, s/n - Timbó, Abreu e Lima - PE, Brasil

ingressos.png

Entrada gratuita

ago_serieES

Orquestra Sinfônica do Estado do Espírito Santo - Oses

Participação especial: Banda do Vale Música (regência Eduardo Lucas)

Helder Trefzger, regente

Eiko Senda, soprano

Albert Ketèlbey: No jardim de um mosteiro

Claude Debussy: Clair de Lune, da Suíte Bergamasque - Orq. Mouton

Kōsaku Yamada/Hakushū Kitahara: Karatachi no Hana (Arranjo: Leonardo Cunha)

Kōsaku Yamada/Rofū Miki: Aka Tonbo (Arranjo: Leonardo Cunha)

Giacomo Puccini: “Un bel di vedremo”, da ópera Madama Butterfly

Giacomo Puccini: “Vissi D’Arte”, da ópera Tosca

Georges Bizet: Farandole, da Suíte L’Arlésienne n.º 2

bg.png

Sobre a apresentação

Corriam os últimos dias do inverno de 1974 quando foi fundado o primeiro Mosteiro Zen Budista da América Latina, pelos mestres Ryohan Shingu, Renpo Niwa Zenji e Ikko Narazaki. Na época, a região do Morro da Vargem tinha sua beleza arranhada por um processo de devastação que causava grande desequilíbrio. Apenas algumas manchas de vegetação resistiam, num último esforço de lembrar aos homens que aquelas terras um dia estiveram cobertas de rica Mata Atlântica. O primeiro mosteiro budista da América Latina é hoje um centro onde o budismo Soto Zen se une à realidade brasileira para transmitir os milenares ensinamentos do Buda, ajudando a solucionar os problemas locais.


Nascida no Japão, Eiko Senda formou-se como cantora com A. Barandoni, que foi um dos poucos alunos de B. Gigli, e com Tamaki Sakamoto. Sua formação em pedagogia musical e Ciência e Arte de Canto realizou-se na Universidade Mukogawa (Japão). Aperfeiçoou-se com E.Pleehn e especializou-se em Canções Alemãs em Dresden (Alemanha), também tendo trabalhado repertório lírico italiano com Franco Iglesias (Nova York). Canta nos principais teatros do país e da América do Sul, sob a batuta de grandes maestros, assumindo papéis como Cio-Cio-San de Madama Butterfly, Jenny de La Dame Blanche (Boieldieu), Amelia em Un Ballo in Maschera, Leonora em La Forza del Destino, Desdemona em Otello, Alice em Falstaff  e Abigaille em Nabucco (Verdi).


O compositor inglês Albert Ketèlbey (1875-1959) ficou famoso por suas composições curtas e leves, cujas vendas, valeram-lhe. em 1929, o título de maior compositor vivo da Grâ-Bretanha, tamanho o seu sucesso comercial. In a Monastery Garden, de 1915, foi composto após uma visita a um jardim monástico, hoje o mosteiro beneditino da Abadia de Santo Agostinho, em Chilworth, Surrey.


Clair de Lune é uma das peças mais conhecidas escritas pelo compositor francês impressionista Claude Debussy (1862-1918). Trata-se do terceiro movimento da Suíte Bergamasque, escrita em 1890 e revisada em 1905. A ideia vem de um poema de Paul Verlaine. A obra partilha a delicadeza do poema, as suas sugestões, plangentes porém sutis, de tristeza e beleza misturadas, criando uma certa atmosfera que permeia toda a peça.


Kōsaku Yamada (1886-1965) foi um pioneiro da moderna música japonesa. Estudou com Max Bruch em Berlim e escreveu uma série de obras orquestrais e óperas. Escrevendo inicialmente sob a influência dos estilos clássicos europeus, desenvolveu posteriormente uma linguagem musical que preparou o caminho para compositores como Takemitsu. Em Karatachi no Hana (Flores Trifoliadas de Laranjeira), de 1925, Yamada evoca a sua infância, retratando as flores da cerca junto à fábrica onde trabalhou quando jovem. Já na canção infantil Aka Tonbo, de 1921, o cenário descreve a nostalgia que um homem sente ao ver uma libélula vermelha, trazendo à tona cenas da sua infância, como ser carregado nas costas de sua irmã em sua cidade natal.


Madama Butterfly é uma obra trágica, cuja personagem principal, Cio-Cio-San, japonesa de quinze anos, seduzida e abandonada por um oficial da marinha norte-americana de passagem pelo Oriente, se suicida ao final. Na ária Un bel di vedremo, tendo passado três anos desde que fora abandonada, Butterfly imagina o dia em que o navio de Pinkerton chegará ao porto e como o verá pela janela da casa deles, que fica no alto de uma colina, evocando a felicidade de ambos no sonhado reencontro.


Tosca, cuja ação se passa em Roma, em 1800, reúne elementos como amor, morte e terror, mantendo a presença permanente de uma atmosfera tensa. Em determinado momento, Tosca, transtornada e sem saber para quem apelar para salvar o seu amado do cadafalso, canta a ária Vissi d’arte, vissi d’amore, na qual, começando suavemente e depois com uma apaixonada e comovente explosão de dor, entoa o viver a vida pela arte e pelo amor.


O compositor francês Georges Bizet (1838-1875) em sua curta vida - apenas 37 anos, deixou um importante legado, incluindo a sua obra mais importante, a ópera Carmen. Em 1872 ele escreveu a música incidental para o drama L’Arlésienne, de Alphonse Daudet, apresentado no Théatre du Vaudeville, em Paris. Posteriormente Bizet organizou duas suítes a partir desse material. O último movimento da segunda suíte, Farandole, é baseado na dança do sul da França - com dançarinos em cordão, geralmente com a utilização de um tambor. Uma atmosfera envolvida pela luz do folclore provençal.

bottom of page